As lições de uma grande aventura

“Dois dias depois de comemorar seus dois aninhos, nosso filho Enzo Woigt nos deu um susto. Os preparativos para uma grande passagem de Ano Novo estavam prontos e nosso menino sapeca caiu jogando bola na chácara.
Achamos que não era nada grave, mas, mesmo assim, fomos correndo para o hospital porque, afinal, Enzo estava com dor, embora não chorasse. Ao chegar e conversar com o médico, tivemos uma grande surpresa ao sabermos que ele havia quebrado o fêmur. Ficamos desesperados, mas o pior ainda estava por vir.
Enzo ficou internado e nossa família foi para o hospital na passagem de ano e lá ficamos todos vendo as festas pela televisão. Tudo correu bem, mas os 40 dias ainda estavam para acontecer.
Ele recebeu alta no dia seguinte. Contávamos no calendário dia a dia e, a cada semana, a ida ao ortopedista era uma nova etapa.
Nosso filho foi um anjo que aguentou todo esse tempo com muita paciência. É um pequeno menino que nos mostrava como era impressionante sua recuperação. Tão pequeno e já nos ensinava a superar desafios, sempre dando muitas risadas. Tínhamos que inventar brincadeiras, pois ficar 40 dias na mesma posição deitado ou sentado não era fácil. 
Hoje, com seus dois anos e cinco meses, continua sendo esse menino sapeca, inteligente e observador. Aprendemos com ele como é importante um sorriso e uma simples brincadeira, pois, infelizmente só sabemos o prazer das pequenas coisas quando passamos por momentos difíceis.
A cada dia que passa o Enzo continua um menino brilhante e abençoado por Deus. Hoje já se recuperou totalmente da sua grande aventura. Nosso filho veio para iluminar nossas vidas e nos ensinar o sentido da palavra amor”.

Michele e Fabio